E3 2021: Nintendo vaza novo jogo com Mario e os Rabbids


A E3 2021, maior feira da indústria de games, começa neste sábado, e ao longo dos próximos dias todas as fabricantes e grandes estúdios irão anunciar os títulos que chegarão ao mercado nos próximos meses (ou anos).

A Nintendo é uma destas empresas, com seu tradicional evento “Nintendo Direct” programado para esta quinta-feira, 15 de junho. Mas parece que a casa de Mario não aguenta mais esperar: um novo título com Mario e os Rabbids, os coelhos insanos da Ubisoft, apareceu brevemente no site da empresa na manhã deste sábado.

publicidade

Chamado Mario+Rabbids: Sparks of Hope, o jogo é uma sequência de Mario + Rabbids: Kingdom Battle, que saiu para o Switch em 2017. Segundo a descrição oficial, Mario e seus amigos embarcarão em “uma jornada galáctica para derrotar uma entidade malévola e salvar seus companheiros, os Sparks. Explore planetas por toda a galáxia enquanto descobre segredos misteriosos e missões intrigantes!”.

O jogo tem lançamento programado para 2022 no Switch e está sendo desenvolvido pelo estúdio da Ubisoft em Milão, na Itália, que também criou o primeiro título. A empresa tem uma conferência na E3 no final da tarde deste sábado, mas provavelmente focará em suas franquias próprias (como Far Cry, Rainbow Six e Assassin’s Creed), deixando o anúncio do título a cargo da Nintendo.

Leia mais:

Teremos um Switch Pro?

Uma das grandes expectativas para o evento da Nintendo na E3 é o lançamento de uma nova versão do Switch, apelidada pelo público de “Switch Pro“. O console seria uma versão “turbinada” do modelo atual, capaz de renderizar gráficos em 4K e com uma tela OLED, porém mantendo compatibilidade total com os jogos atuais.

Não é raro a Nintendo “turbinar” seus consoles no meio de seu ciclo de vida: o Gameboy Advance SP, de 2003, mudou o formato físico e corrigiu o maior problema de seu antecessor: a falta de uma tela iluminada.

O Nintendo DSi, lançado em novembro de 2008 no Japão, era uma versão do Nintendo DS Lite com mais memória RAM e um processador mais poderoso. A fórmula foi repetida com o “New Nintendo 3DS”, em 2014.

Apesar de anunciado em junho, o console chegaria ao mercado apenas em setembro. O intervalo daria aos desenvolvedores tempo para mostrar os jogos atualizados para o novo modelo. E, apesar da escassez mundial de chips, a “Big N” deverá ter volume suficiente para um lançamento “em setembro” sem problemas.

“Os fornecedores estão confiantes de que podem atender aos pedidos da Nintendo, apesar da contínua escassez de chips”, diz o artigo. “Suas linhas de produção estão mais bem preparadas para a potencial mudança de componentes e as peças que a Nintendo está usando estão sujeitas a menos competição do que as dos consoles mais poderosos de seus rivais”.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!





LEIA A MATÉRIA ORIGINAL